Cinema e Vida

25 ago

“A tentativa mais bem-sucedida de retratar múltiplas realidades alternativas dentro dentro de uma história linear e coerente é a comédia de Harold Ramis, ‘Feitiço do Tempo’ (Groundhog Day, 1993), na qual um egoísta e amargo meteorologista chamado Phil é obrigado a reviver um único dia de inverno numa cidade caipira da Pensilvânia até que ele faça tudo certo. O filme funciona em parte porque nunca tenta explicar a razão de Phil acordar sempre no mesmo dia”. p. 48 Livro “Hamlet no Holodeck”, Janet Murray

Não precisa explicar, porque muitos de nós já tivemos – ou temos – a sensação de “pararmos no tempo”, tentando reviver, refazer, um trecho do nosso passado que consideramos importante, e que achamos deveríamos ter feito “a coisa certa”.

“Danny Rubin e Hal Ramis, o escritor e o diretor de “Feitiço do Tempo”, tiveram ade brigar com o estúdio para evitar a inclusão de uma “maldição cigana” no filme, que explicaria os apuros de Phil. A premissa de Rubin partiu da ideia de mudar as regras da vida para ‘o tipo de sujeito … que parece simplesmente incapaz de deixar sua adolescência para trás. Ele se perguntava: ‘Se alguém assim pudesse ter uma vida longa o bastante, será que conseguiria superar isso?… Em que momento ele ficaria tão entediado consigo mesmo que tentaria se tornar uma pessoa diferente?'” (v. Lippy, “A Talk with Danny Rubin”, 183, e Lippy, “Harold Ramis on Groundhog Day”, 53).

Quantos de nós não agimos assim? Permanecemos no limiar da vida adulta, sem ter a coragem de abandonar a área próxima da soleira da porta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: